COS

Dente do Siso: Tire suas dúvidas!

Os terceiros molares também conhecidos como “dentes do siso”, “dente do juízo”, normalmente erupcionam (nascem) entre os 17 e 25 anos de idade, época em que se completa a maioridade, ou seja, são os últimos dentes que aparecerem na boca. Caso isso não ocorra, devemos investigar suas causas: se ele esta presente na boca ou não. Se eles estão presentes e não nasceram, esses dentes passam a ter a denominação de dente retido ou incluso, que é aquele que não consegue nascer dentro do tempo esperado.

sisoExistem varias causas para os sisos não nascerem: posição que ele se encontra, redução do tamanho dos arcos dentários, doenças sistêmicas, extração precoce dos dentes de leite, entre outras.
Quando o terceiro molar (siso) fica totalmente incluso (dentro do osso), pode produzir reabsorção do dente vizinho, transtornos dolorosos e até degenerações (lesões císticas).
Já terceiro molar parcialmente erupcionado pode provocar gengivites (inflamação da gengiva), abscessos, irritação local, dor, edema e até mesmo o aparecimento da cárie dental (foto), pois a higienização se torna difícil nessa região.
A extração dos sisos é indicada em algumas situações:

  • sisoQuando ele está mal posicionado.
  • Quando não há espaço suficiente na arcada.
  • Quadros de dor de erupção.
  • Quando a erupção não se completa.
  • Quando há cárie dentária, doença periodontal ou pericoronarite (inflamação que ocorre no tecido que recobre a coroa do dente, devido ao acúmulo de alimentos e bactéria).
  • Quando há indicação ortodôntica.

Para realizarmos a análise desses dentes a radiografia ideal e mais indicada é a panorâmica, que normalmente é realizada em institutos de radiologia odontológicos, mas em alguns casos o cirurgião-dentista pode solicitar uma tomografia computadorizada dependendo da situação.
Para que a cirurgia de extração do siso tenha um pós-operatório mais tranquilo e sem grandes desconfortos para o paciente, ela deve ser realizada o quanto antes, de preferência quando as raízes ainda não estão totalmente formadas existem medicamentos adequados, instruções de dieta e higiene, que são prescritas pelo Cirurgião Dentista.
Atualmente, pode-se ainda fazer aplicações de laser terapêutico. Estas aplicações são totalmente indolores e ajudam a diminuir a sintomatologia pós-operatória e acelerar a cicatrização.